Uma bomba no silêncio

By Ahmed Zakot

By Ahmed Zakot

 

Uma bomba no silêncio
o ensurdecedor soar de uma bomba
o silêncio estrondosamente ressoa

e tudo emudece

é de estourar os tímpanos
ensandecer os pássaros
ensurdecer o silêncio

[Tacaram uma bomba no silêncio
sopraram pólvora nos olhos cujo o semblante num sorriso ardia
uma bomba-relógio alarma às crianças que acabou a hora de brincar]

silêncio e vidas
estouram silenciosas
como bolhas de sabão

nascida morrida vívida

henle-fritz-1909-1993-germany-frida-kahlo-on-the-boat-in-xoc-1078986   images (2)   562130_295668843848583_514075948_n

no inverno os ossos doem mais

de frio

 

mas minhas juntas desconjuntadas

dão ao meu caminhar

um ritmo cadenciado

 

muñeca de maíz manca

 

sangue e ouro no céu

como é dorida a dor nos olhos dela

um cacto fracto de flores coroado

 

procuro o sol pra aquecer os ossos

procuro o som do sol

 

e tento o imitar com uma flauta

por sugestão de Maiakovski

feita com a vértebra de Frida

 

e como flui